Carregando

Carregando - Soprano

Cotação

0

Solicitação de Orçamento

Você adicionou um item à sua solicitação de orçamento:

Adicione itens para continuar.


Resumo da sua solicitação de orçamento


Qtd. Produto Código

Quase lá! Informe seus dados para finalizar a solicitação:


Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso

Sua solicitação foi enviada com sucesso!

Fique atento ao seu e-mail, em breve você receberá o retorno do seu orçamento.

Downloads

0

Meus downloads

Faça download dos arquivos selecionados.

Adicione itens para continuar.

Quase lá! Informe seus dados para finalizar a solicitação:


Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.

Download concluído

Segurança e Proteção

Praticidade e Eficiência

Energia Solar é mais barata que energia elétrica?

Tempo de leitura: 6 minutos

Recentemente, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) criou uma nova bandeira para a conta de luz, chamada de bandeira de escassez hídrica. A taxa tem o valor de R$ 14,20 por 100 kWh. Esse novo valor representa um aumento de 49,6% em relação à anterior bandeira vermelha patamar II (de R$ 9,49 por 100 kWh). No final de junho deste ano, o valor da bandeira vermelha patamar 2 já havia subido 52%.



Pela abundância de grandes cursos de água espalhados por quase todo o território brasileiro, a fonte de energia hidrelétrica está no topo da matriz elétrica do país. Contudo, com os baixos níveis dos reservatórios das usinas hidrelétricas, os brasileiros estão pagando — muito — mais caro pela luz. Logo, para tentar gastar menos com energia elétrica, os brasileiros se veem diante de duas opções:


1) tentar economizar, usando o menos possível de luz em casa;

2) migrar para outra matriz energética.


Desde que a energia elétrica foi inventada, contudo, o ser humano passou a ser extremamente dependente dela. Basta faltar luz por alguns minutos para perceber o quanto essa afirmação é verídica. Precisa trabalhar no computador? Não há como. Quer se distrair até a luz voltar? Não é possível ver televisão. Ler um livro? Se for um dia claro, talvez você consiga. Se precisar de luz para iluminar as páginas, já fica mais complicado. Ficou com fome? O micro-ondas não funciona, é melhor aquecer a comida no fogão — isso se ele não for elétrico. Ao menos lhe resta o celular — isso enquanto durar a bateria, claro.


Portanto, com a primeira opção, além de restringir muitas atividades essenciais do dia-a-dia, a economia não será muito significativa. Migrar para outra matriz energética, todavia, também requer um investimento significativo. Será que realmente vale a pena? A Soprano — marca que possui mais de 65 anos de experiência e confiabilidade — preparou este material para mostrar que pode, sim, valer — muito — a pena.


Vale mesmo a pena investir em energia solar?


Dentre as energias renováveis existentes atualmente, a solar é a melhor opção custo-benefício. Antes de compreender o quanto você consegue economizar migrando para esta matriz energética, é preciso entender o que é e como ela funciona.


O que é?


A energia solar é aquela obtida pela luz do sol, que pode ser captada com painéis solares. É uma fonte de vida e de origem da maioria das outras formas de energia na Terra.


A energia solar fotovoltaica é a opção protagonista no momento, porque ela diversifica a matriz elétrica de forma limpa, renovável e com custos cada vez mais competitivos. Para descobrir como ela pode te ajudar a economizar, é preciso entender como ela funciona.



Como ela funciona?


A energia solar pode chegar ao planeta Terra nas formas térmica e luminosa. O método mais tradicional para obtê-la é o fotovoltaico, que é formado basicamente por placas e um inversor.


As placas atuam na captação da luz solar e são instaladas no telhado da empresa ou residência, para receber maior emissão de luz do sol. A incidência direta da radiação solar é muito importante para que as células fotovoltaicas apresentem a melhor eficiência na conversão da radiação solar em energia elétrica. Sendo assim, quanto mais luz direta o painel solar recebe, mais energia elétrica será gerada. Mesmo em dias, onde o sol não aparece, é possível extrair energia, porque em todos os dias existe uma taxa de irradiação solar.


Essa energia gerada pela radiação é obtida em corrente contínua. Em outras palavras, quando percorrida em um circuito, não altera seu sentido de circulação. Por isso, é necessário entrar em ação um outro componente: o inversor. Ele é o articulador de todo o sistema, responsável por converter a corrente contínua em corrente alternada, mudando o sentido de circulação dentro do circuito periodicamente.


Depois de passar pelo inversor, a energia solar pode ser usada para alimentar qualquer eletrodoméstico ou eletrônico da casa, como geladeiras, lâmpadas, aparelhos de ar condicionado, celulares, entre outros. Agora que você já sabe o que é e como funciona a energia solar fotovoltaica, vamos entender como ela fará você economizar — e muito.



Como a energia solar pode ser mais barata que a energia elétrica?


Quanto maior a tarifa de energia elétrica, mais viável financeiramente é a instalação de energia solar, pois o retorno de investimento vem em menos tempo. Se pensarmos que a tarifa atual está altíssima, sem previsão de baixar — pelo contrário, só tende a aumentar — migrar para a matriz solar, uma energia limpa e infinita, é o melhor caminho para economizar.


Além de fazer bem para o bolso, adotar a energia solar na sua casa faz bem para o meio ambiente. Com a escassez hídrica, os governos têm incentivado cada vez mais a adoção desse método. A forma de incentivo vem em descontos na luz elétrica tradicional, que podem chegar, em muitos casos, a 95% ou mais ao mês!


Vamos supor que a sua conta de luz normal — de matriz hidrelétrica — chegou a R$ 515. Se a sua residência for capacitada para produzir energia solar, em condições plenas de captação da luz do sol, o custo com a eletricidade ficaria em torno de R$ 85 — uma economia mensal média de R$ 430.


Se pensarmos que um sistema solar fotovoltaico custa, em média R$ 20 mil (lembrando que que ele pode ser instalado de acordo com a demanda de cada cliente), o retorno do investimento é alcançado quatro anos após a instalação do equipamento — isso se a tarifa não aumentar novamente, reduzindo esse tempo ainda mais.


Além disso, em muitos casos, os consumidores financiam o sistema solar fotovoltaico por meio de parcelas menores do que a economia mensal. Ou seja, a economia é imediata! Ademais, a vida útil do sistema é de 25 anos em média. Sendo assim, qualquer residência ou empresa onde o consumo de energia é superior à taxa mínima cobrada, o investimento em um sistema energia solar fotovoltaica vale a pena.


Acompanhe a economia em tempo real


Com um sistema solar fotovoltaico instalado, é possível acompanhar o seu desempenho em tempo real. Basta instalar aplicativos no celular, que estão disponíveis em português para Android e iOS, e conferir os indicadores que mostram como esse tipo de investimento faz muito a diferença no dia a dia.



Por que contar com a Soprano quando se trata de energia solar fotovoltaica?


O gerador solar fotovoltaico da Soprano possui diferenciais que podem ser decisivos na escolha do fornecedor para o seu sistema. O seguro oferecido pela empresa, por exemplo, cobre riscos de engenharia e civis durante a instalação 3 meses após o faturamento, e problemas referentes a condições climáticas por 12 meses. A segurança total durante toda a instalação também é garantida. Fenômenos como vendavais e granizo também estão englobados no seguro, que é totalmente pago pela Soprano no primeiro ano.


Clientes Soprano também possuem garantia assegurada com prazos de até 12 anos para defeitos de fabricação. No caso das placas fotovoltaicas, a garantia é de 25 anos com eficiência de até 80%. Somado a isso, os sistemas da marca possuem uma longa vida útil, e os clientes podem contar com uma empresa sólida, com tradição no mercado e mais de 65 anos de experiência e confiabilidade.



Ainda tem dúvidas se está pronto para investir em energia solar? Preencha o nosso checklist e descubra! 

Publicado por Soprano, dia 14/10/2021

Ficou com alguma dúvida?

Fale Conosco

Fique por dentro

Receba nossas newsletters com novidades e promoções!

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.